Molecos, moleskines, caderninhos

Cadernos diversos

Eu adoro cadernos para rascunhar. Já preenchi alguns. Escrevo meus planos, projetos, anotações do trabalho e muitos, muitos desenhos. Tenho vários cadernos, com tamanhos, tipos de papel e encadernação diferentes. Para desenhar prefiro os cadernos maiores que o A5 os menores, os de bolso, prefiro para anotações rápidas. Geralmente carrego dois.

E apesar dos moleskines terem já aportado no Brasil e serem já facilmente encontrados, o preço é um absurdo. E, se a ideia é apenas ter um caderno para anotações e desenhos qualquer caderno sem pauta está valendo, ou mesmo, fazer o seu próprio. A rede está cheia de tutoriais para encadernação. Também dá para comprar papel de boa qualidade, da sua preferência e procurar um serviço de encadernação. Abaixo fiz uma lista com alguns tutoriais que encontrei:

Mas se a idéia é comprar um pronto mesmo, há opções além dos moleskines:

  • Moleco – Cadernos ecológicos, feitos de papel 100% reciclado. O preço é acessível.
  • Cicero papelaria – Caderninhos bem semelhantes ao moleskine. Tenho dois, menores e de papel mais fino, mas boa encadernação. Não achei os da linha Arte, então não posso opinar.
  • Livraria em Branco – Cadernos fofinhos, feitos pela ilustradora Silvia Falqueto. Estão na lista de compras.
  • Zoopress Studios – Lindos cadernos, mas parece estar em recesso.
  • Cutting’ Studio uma das lojas encontradas no Elo7, com cadernos semelhantes aos moleskines.
  • Corrupiola – Loja que trabalha com tipos antigos, de metal, bem artesanal.

Com certeza existem mais opções, e os cursos de encadernação parecem ter virado febre aqui no Brasil. Se alguém tiver mais dicas
é só comentar.