Astana – Kazaquistão

Banner do evento, as informações estão descritas a seguir no texto

Entre 7 a 8 de outubro de 2014 fui representar o governo Brasileiro – como única representante – no evento “Global e-Government Forum – Smart Governance for Sustainable Development: New Opportunities for Partnerships in the Networked Society”.

Global e-Government Forum 2014

Foi uma oportunidade única, de conhecer como o governo eletrônico evolui em outros países fora do eixo ocidental. Incrivelmente há semelhanças em problemas e soluções. O Kazaquistão é um país relativamente novo, mas com uma antiga história. Foi interessante visitar o museu nacional (recém inaugurado) e ver o resgate da história e identidade de um povo.

Voltando ao evento, assisti diversas palestras sobre serviços eletrônicos, portais integrados. Interessante verificar que a Bélgica atravessa hoje o problema da pirâmide invertida em relação a idade. Há mais pessoas que não trabalham que pessoas que trabalham e isso tem um impacto no serviço público. Dentre as alternativas – a digitalização de processos e serviços.

Astana demonstrou seu portal de serviços, bem integrado. Ao conversar com alguns da equipe, apesar de sua reserva, pude notar que eles passam pela mesma dificuldade de colocar diversos órgãos para conversar e que a intervenção favorável do alto escalão foi decisiva para que receios e reservas em relação a integração fosse finalmente superados.

IMG_7984.jpg

Minha apresentação (abaixo), sobre transparência e dados abertos, ocorreu próximo ao final do evento. Apesar das barreiras da lingua (apesar de apresentar em inglês, a maior parte do público falava apenas russo ou kazaque), foi um prazer apresentar o nosso trabalho a uma platéia tão diferente, mas ao mesmo tempo, tão similar, a nossa.